Gibi se converte e pede perdão a Bispo Macedo por música “se gritar pega ladrão”

Gibi contou que tentou se matar tomando mais de 30 comprimidos de diazepan misturado com bebida.

Publicado em por

Gibi se converte e pede perdão a Bispo Macedo por música “se gritar pega ladrão”


O Bispo Macedo recebeu em sua igreja neste último domingo (22), a presença do ex-vocalista do grupo Originais do Samba, Gibi, para contar seu testemunho de conversão.
Ele que hoje é membro da Igreja Universal, foi acompanhado pela esposa a frente e disse como se sentia feliz por servir a Deus.

Os originais do Samba foi criado na década de 1960 e seu vocalista era o trapalhão Mussum, Gibi substituiu Mussum e entrou pra segunda geração da banda que existe até hoje no Rio de Janeiro.
Apesar de ter conquistado sucesso e fama, Gibi não se sentia completo.

José Rodrigues, o Gibi conta que conseguiu o lugar de Mussum através de um trabalho de macumba e que pagou bem caro para substituir o trapalhão e após ter conseguido, não sentia feliz.

E Foi ao sair da igreja onde foi levado por sua namorada,muito chateado, que ele decidiu regravar a música “se gritar pega ladrão” ,de Bezerra da Silva,que foi um dos grandes sucessos da banda como forma de afrontar e denegrir a imagem da igreja.“Fui embora revoltado, briguei com a namorada e disse: ‘Você me levou para um lugar que só tem ladrão’.

Tentou se matar
Gibi contou que tentou se matar tomando mais de 30 comprimidos de diazepan misturado com bebida.
Ele ainda contou em seu testemunho ao Bispo, que revoltado com sua vida, pegou um taco de baisebol e quebrou todas as imagens do altar que mantinha em casa, possesso de raiva e desgosto profundo com a vida.
“Quebrei todas as imagens. A briga foi tão feia que eu virei para Deus e disse que ele também era um[mentiroso]. Eu levantei uma Bíblia para o alto e disse: ‘Isso aqui para mim é lixo’.

Joguei a Bíblia fora. Saí correndo para pular do 12º andar e na hora que eu corri tomei um tropeção e cai em cima da Bíblia que estava aberta no livro de Salmos, 81”, relembrou.

“Era o próprio Deus falando comigo.” Gibi naquele mesmo dia foi pra igreja e aceitou a Jesus.
E continuou sua carreira normalmente, mas já não se sentia bem no grupo.

O cantor tomou a decisão de deixar a banda ainda no auge, mas se sentiu aliviado”. “O conjunto estava no auge, mas eu saí e senti que um peso saiu de mim. Hoje digo que o Senhor Jesus havia dado tudo dele para mim, mas eu queria conhecer Deus de fato.

Deus me tirou do inferno e me colocou sentado ao lado dos príncipes”.
E no fim de seu testemunho Gibi começou a chorar e pediu perdão ao Bispo Macedo por criticá-lo tantas vezes e até cantar uma música de afronta contra ele,no tempo que ele era ignorante acerca das coisas de Deus. Edir Macedo o abraçou,e desconversou dizendo que não tinha nada pra perdoá-lo.





Copyright © Beenla Networks LTDA. Todos os direitos reservados.