Silas Malafaia presta queixa contra o youtuber Felipe Neto

As acusações do pastor contra o comediante são por causa de um desenho da Disney.

Publicado em por



Silas Malafaia entrou com uma queixa-crime contra o YouTuber mais polêmico da internet, Felipe Neto.

O pastor Silas Malafaia acusa o comediante de calúnia, injúria e difamação.

Vem acusação vem da seguinte situação: em 2017, Felipe Neto postou um vídeo dizendo que Malafaia é “canastrão” e que “explora a fé das pessoas para enriquecer”, entre outras coisas.

A informação foi divulgada na quarta-feira (24), no jornal O Globo, na coluna de Ancelmo Gois.

Toda a situação aconteceu em março de 2017, quando  Felipe Neto, que tem mais de 18 milhões de inscritos em seu canal, fez um vídeo em resposta ao pastor, que decidiu promover um boicote contra um desenho da Disney. Animação essa que mostraria um beijo gay.

“Você acha que o jeito certo de educar seu filho sobre a homossexualidade é fingindo que ela não existe?”, questionou o youtuber, dizendo ainda que não havia nada de errado com o desenho.

Felipe Neto ainda propôs as empresas boicotar o pastor Silas Malafaia. “Empresas de todo o Brasil, quer ganhar publicidade gratuita no meu canal? Irrite Silas Malafaia”.

Por meio do Twitter, Malafaia retrucou dizendo que era uma “honra ser caluniado por inescrupuloso” como o youtuber.

“Vou lhe dar a chance, na justiça, para você provar o que falou”, escreveu Malafaia em um post no Twitter.

 





Copyright © Beenla Networks LTDA. Todos os direitos reservados.