Pastor é detido depois de haver ofendido autoridades estaduais

A confirmação desse fato foi anunciado por ele, depois de haver postado um vídeo nas redes sociais


Publicado em: 24/05/19 às 9:34 por Junior Moura | Atualizado em 24/05/2019 às 9:34

Pastor é preso (REPRODUÇÃO)

A justiça decretou nessa quinta-feira (23) a prisão imediata e preventiva do pastor Nelcivan Costa Feitosa. A confirmação desse fato foi anunciado por ele depois de haver postado um vídeo nas redes sociais.

+Bispo Edir Macedo faz oração e pede que Bolsonaro seja protegido

Com isso, no vídeo ele se perguntava por qual motivo estava sendo preso. Sua indignação foi exposta com argumentos de defesa, no qual se interrogava se havia feito algo de errado.

Eu não entendo porque estão me prendendo hoje. Eu não matei ninguém, não roubei ninguém, não sou ladrão, sou pai de família e têm vidas que dependem de mim”, falou ele na gravação.

No entanto, o pedido foi exclusivamente da polícia militar do Tocantis, que se fundamentou em algumas críticas. Essas opiniões, por sua vez se tratavam de ofensas dirigidas ao Comandante-Geral da corporação, o coronel Jaizon Veras Barbosa.

Outros fatos que evidenciam e pede a prisão imediata do pastor

Várias acusações formulam e contextualizam a situação de Nelcivan, que evidencia diversas críticas. Os insultos portanto foram de que instantaneamente estaria criticando insistentemente nas redes sociais os atos do Governo do Estado, na figura do governador Mauro Carlesse.

Além disso, o pedido também argumenta com um contexto que o cabo está gravando vários vídeos que violam a ordem social. Dessa forma, ele também estava afrontando a instituição Polícia Militar. Um exemplo desse fato foi a retirada de um dos radares móvel em Palmas.

O pastor ficou bastante conhecido no estado através das redes sociais. Devido a repercussão do pedido de prisão, o processo foi colocado em sigilo.

+Estúdio de TV Cristã é incendiado e fica totalmente destruído

Contudo, a justiça proibiu Nelcivan de fazer ofensas a Mauro Carlesse e determinou que ele retirasse as ofensas que outrora havia feito contra o homem.

Por fim, o pastor já encontra-se detido e está preso numa cela do 1º Batalhão da PM, em Palmas.




Mais lidas

Mais artigos

Aline Barros fica surpresa pelo público alcançado com o seu novo projeto

Os seguidores da artista gospel estão achando magnifico, e ficaram impressionados


Cantor gospel Carlinhos Félix concede entrevista exclusiva ao Gospel Post

Desde sempre eu tenho esse chamado e Deus me escolheu mesmo, como agente canta, 'lá no ventre da minha mãe'.  


Silas Malafaia quebra o silêncio e rebate as críticas da revista Veja!

A revista Veja! nesse domingo (26) fez uma publicação onde dizia que a bancada evangélica estava com medo de se manifestar sobre as mobilizações de ontem


Juninho Black quebra silêncio e revela verdade sobre seu casamento

O artista gospel após ter negado não está com affair, revelou toda a verdade para o mundo gospel que ainda apostou em um recomeço


Fernanda Brum fala pela primeira vez sobre pacto com o diabo

A cantora gospel e pastora Fernanda Brum, é um dos maiores nomes da música evangélica. Com isso, influencia muitas pessoas


Tronco cai sobre automóvel de pastor e causa grave acidente

O acidente entretanto, aconteceu em Carolina do Norte, envolvendo o pastor de uma igreja local.


Igreja Universal realiza feito histórico e fiéis comemoram

O fato se tratou de um casamento simultâneo que segundo a estimativa, uniu  10.784 casais


Malafaia fala sobre deputados que voltaram contra a COAF; ‘rabo preso’

No entanto, a sua indignação dessa vez, tratou-se sobre os parlamentares da bancada evangélica que voltaram contra a COAF


Pastor é morto a tiros a mando de traficantes e família se desespera

O pastor João Auzier Neto, de 65 anos foi assassinado com pelo menos três tiros. O caso aconteceu no bairro Nova Esperança localizado em Manaus-AM


Presidente toma decisão inesperada e cristãos se entristecem

As expectativas da maioria dos católicos não foram atendidas, pois recentemente o presidente havia dito que iria consagrar o país a Nossa Senhora