Pesquisa revela que quem frequenta igreja, vive mais tempo

A pesquisa faz menção a uma promessa bíblica muito conhecida e declamada por muitos cristãos:


Publicado em: 14/01/18 às 21:44 por Micael Batista | Atualizado em 14/01/2018 às 21:44


Ir aos cultos não apenas pode ajudar no aprendizado da Palavra de Deus, pode ser um bom negócio pra saúde.
E o hábito pode contribuir para a nossa longevidade, foi o que a Public Library of Science (Plos) apresentou no final de dezembro, em um estudo que aponta que quem vai a ambientes religiosos vive mais tempo.
Cerca de 18,3 mil colaboradores foram analisados com idade entre 50 anos (fim da meia idade)para se avaliar a influência da fé sobre o índices de mortalidade.
E os pesquisadores da Escola de Saúde Pública Emory Rollins mantiveram suas pesquisas por 10 anos com afinco.
Uma pesquisa anterior já dizia que frequentar cultos poderia aumentar em 20% os índices de longevidade.
Mas a atualizada pesquisa constatou um número ainda bem maior e aponta que as pessoas que vão pelo menos 1 vez na semana a um culto, tem um risco de mortalidade 40% menor do que quem não vai.
E quem vai mais a igreja tende a fumar e beber menos, faz mais atividades físicas e vai mais regularmente ao medico, apontou a pesquisa.
Raffaele Antonelli, professor de Medicina pela Universidade de Roma, avaliou que  “a religiosidade ativa é uma marca que caracteriza uma população onde há menor risco de morte, devido a diversos fatores de proteção, como um estilo de vida melhor e uma propensão maior a relações sociais”.
Ele Concluiu ressaltando que “essa disposição religiosa geralmente se associa a uma atitude mental positiva, que o ‘protege’ de doenças.
É possível dizer que a religiosidade protege de depressão, consequentemente associada a outras doenças e até a morte”, finalizou o doutor.
A pesquisa faz menção a uma promessa bíblica muito conhecida e declamada por muitos cristãos:
“porque a mim se apegou com amor, eu o livrarei; Pô-lo-ei a salvo, porque conhece o meu nome.(…) saciá-lo-ei com longevidade e lhe mostrarei a minha salvação”. um trecho do famoso salmo 91.

Pesquisa mostra que a maioria dos cristãos aceita Jesus por influência dos pais

Uma pesquisa divulgada esta semana pelo Instituto Americano de Cultura & Fé (ACFI), mostra que o número de cristãos que se consideram “praticantes” vem caindo nos EUA.
A pesquisa entrevistou 9.273 adultos, desses apenas 13% se identificam como cristãos “nascidos de novo”. 30% das pessoas na faixa etária com mais de 35 anos, afirmam que é preciso “nascer de novo” para ter a vida eterna. Enquanto isso, 37% dos que tem entre 50 a 64 anos pensam da mesma forma. E somente 31% na faixa entre 31 e 49 pensam na necessidade de “nascer de novo”. Quando os dados vão para a faixa etária dos jovens entre 18 e 30 anos, os dados são baixíssimos.
Os dados mostram ainda que os jovens são mais propensos a aceitar Cristo como seu salvador antes de terminar o ensino médio. 2 em cada 3 indivíduos que nasceram de novo fazem isso antes dos 18 anos. 8% fazem isso durante a universidade, com idade entre 18 e 21 anos. Já entre 22 e 29 anos a porcentagem se repete, assim como depois dos 30 anos.
Apenas 9% aceitam o Senhor Jesus aos 40 anos ou mais.
Entre os adultos que acreditam na ideia que a salvação pode ser obtida através de merecimento ou boas ações é de 25%. Outros 20%acreditam que a salvação eterna não pode ser recebida pela fé.
Aqueles que aceitaram Jesus de alguma forma esta dividido da seguinte forma: 29% por influência dos pais; 20% por conta de cultos e eventos da igreja; 16% pelos familiares; 8% por conta dos lideres ou pastores e 5% por conta de um amigo.




Mais lidas

Mais artigos

Evangélico; Wesley Safadão vai à igreja mesmo com uma agenda de 25 shows por mês

O cantor ainda é muito criticado por ainda atuar no meio secular depois da sua conversão


Padre pede liberdade de Lula e depois se desculpa

O caso foi registrado no último domingo (21) durante a celebração de uma missa.


Após abandonar música gospel; Tonzão diz estar muito endividado e pede orações

O anuncio da falta de dinheiro foi feito numa das redes sociais do cantor, que deixou o gospel no final de 2017.


Igrejas de SP podem ficar isentas de taxas | Câmara já aprovou

O projeto foi votado e aprovado, agora segue pra sanção do prefeito João Dória


Igreja de R.R Soares deve quase R$15 Milhões à União |

Segundo levantamento, passa de R$900 milhões a dívida de entidades religiosas com o Governo


Presidente – Michel Temer pede orações após descobrir doença

Assessores de Temer estão pedindo que os pastores levantem um clamor pela vida do presidente


Magno Malta se irrita e ameaça processar a TV Senado –

O Senador insistiu que o câmera focasse na foto que ele segurava enquanto discursava


Cantor gospel | morre eletrocutado durante evento em igreja

Ele encostou em um fio desencapado e recebeu uma forte descarga. Foi levado ao hospital e faleceu.


Site lança biografia polêmica da cantora gospel Flordelis

A carreira música e política de Flordelis também é destacada no texto, que já recebeu duras críticas.


Veja | quais são as 7 músicas gospel que ficarão para história

Confira a lista das músicas gospel que marcaram nossa geração