“Ritual”; Mulheres lutam contra ritual que exige sexo com estranhos

A tradição é do Quênia, e faz com que viúvas tenham relação sexual com “purificadores”.


Publicado em: 08/12/17 às 19:37 por Micael Batista | Atualizado em 08/12/2017 às 19:37


Em todos os lugares do mundo, tradições e culturas existem de formas diferentes, mas uma tradição no Quênia tem levantando a ira de mulheres.
A “purificação” de viúvas, fez com que um grupo de mulheres no oeste do Quênia, se unisse para romper com a antiga tradição.
Considerado ilegal pelo governo em 2015, o ritual praticado pelo povo Luo, prevê que as mulheres mantenham relação sexual após a morte dos maridos. O objetivo deste costume é “limpá-las de impurezas”.
Praticado numa das áreas mais pobres e rurais do país, o ritual, muita vezes realizado com estranhos, acontece sem o uso de preservativos, deixando as mulheres vulneráveis ao vírus causador da AIDS, o HIV.
Estima-se que 1,5 milhão de quenianos são portadores da AIDS e que cerca de 400 mil, não sabem disso.
Os dados são da Organização das Nações Unidas (ONU).
A tradição é descrita por algumas mulheres; Elas dizem que o sexo começa no chão, depois vai para a cama, praticar mais uma vez a relação sexual. Pela manhã, as mulheres devem queimar as roupas e os sacos em que elas dormiram.
Por último, elas raspam o cabelo, elas dizem ainda, que após passar quatro dias com o “purificador” – assim chamado por eles – as mulheres voltam para a casa dos pais.
Além de tudo isso, os “purificadores” cobram para executar a tradição. Alguns deles chegam a cobrar até R$ 900.
Com isso, uma ONG, a Rona Foundation, protege e luta pelos direitos das viúvas do Quênia, realizando sessões de terapia, não só com as mulheres, mas também com os “purificadores”.
O objetivo é tentar reeduca-los e extinguir a prática.




Mais lidas

Mais artigos

Aline Barros fica surpresa pelo público alcançado com o seu novo projeto

Os seguidores da artista gospel estão achando magnifico, e ficaram impressionados


Cantor gospel Carlinhos Félix concede entrevista exclusiva ao Gospel Post

Desde sempre eu tenho esse chamado e Deus me escolheu mesmo, como agente canta, 'lá no ventre da minha mãe'.  


Silas Malafaia quebra o silêncio e rebate as críticas da revista Veja!

A revista Veja! nesse domingo (26) fez uma publicação onde dizia que a bancada evangélica estava com medo de se manifestar sobre as mobilizações de ontem


Juninho Black quebra silêncio e revela verdade sobre seu casamento

O artista gospel após ter negado não está com affair, revelou toda a verdade para o mundo gospel que ainda apostou em um recomeço


Fernanda Brum fala pela primeira vez sobre pacto com o diabo

A cantora gospel e pastora Fernanda Brum, é um dos maiores nomes da música evangélica. Com isso, influencia muitas pessoas


Tronco cai sobre automóvel de pastor e causa grave acidente

O acidente entretanto, aconteceu em Carolina do Norte, envolvendo o pastor de uma igreja local.


Igreja Universal realiza feito histórico e fiéis comemoram

O fato se tratou de um casamento simultâneo que segundo a estimativa, uniu  10.784 casais


Malafaia fala sobre deputados que voltaram contra a COAF; ‘rabo preso’

No entanto, a sua indignação dessa vez, tratou-se sobre os parlamentares da bancada evangélica que voltaram contra a COAF


Pastor é morto a tiros a mando de traficantes e família se desespera

O pastor João Auzier Neto, de 65 anos foi assassinado com pelo menos três tiros. O caso aconteceu no bairro Nova Esperança localizado em Manaus-AM


Presidente toma decisão inesperada e cristãos se entristecem

As expectativas da maioria dos católicos não foram atendidas, pois recentemente o presidente havia dito que iria consagrar o país a Nossa Senhora